CD – Perfis – Mesa Diretora

Presidente

Arthur Lira (PP/AL)

Arthur César Pereira de Lira tem 53 anos, é empresário, advogado e agropecuarista, nascido em Maceió (AL). É filho do ex-senador Benedito de Lira. Antes assumir vaga na Câmara Federal cumpriu dois mandatos como vereador e Maceió e três mandatos na Assembleia Legislativa de Alagoas. Atualmente, está no terceiro mandato como deputado federal pelo Estado do Alagoas e é presidente da Câmara dos Deputados. Na Câmara, Lira ocupou postos importantes, como a presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara e da Comissão Mista de Orçamento (CMO) e também foi líder do PP. Lira foi um dos principais aliados de Bolsonaro durante o seu mandato e participou de sua campanha em 2022, já que seu partido, o PP, integrou o bloco de apoio ao presidente. Lira foi favorito na disputa pelo cargo de presidente da Câmara, com apoio de Lula e reuniu tanto o PT quanto o PL.


1ª vice-presidência

Marcos Pereira (Republicanos/SP)

Marcos Antônio Pereira tem 50 anos e é natural de Linhares (ES). Advogado formado pela Universidade Paulista (UNIP), com especialização em Direito e Processo Penal e mestrado em Direito Constitucional, é também bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus e professor. Durante o governo de Michel Temer, foi Ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços do Brasil, mas pediu demissão do cargo em 2018 após ser investigado pela Lava-Jato. Além disso, foi ex-presidente nacional do Partido Republicano Brasileiro (PRB), atuou como vice-presidente da Rede Record de Televisão. Na Câmara dos Deputados, já foi vice-presidente da Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania e 1º vice-presidente da Mesa.


2ª vice-presidência

Sóstenes Cavalcante (PL/RJ)

Sóstenes Silva Cavalcante, tem 47 anos, é natural de Maceió (AL), pastor da igreja Assembleia de Deus e foi eleito para seu terceiro mandato como deputado federal. O deputado, tem fortes ligações com o Pastor Silas Malafaia, é bacharel em Teologia com especialização em Missiologia. Cavalcante apresenta como principais agendas de seu mandato: a defesa à vida e aos interesses da família, assim como a prevenção e recuperação de dependentes químicos. Durante sua atuação na Câmara, o deputado foi 1º Vice-Presidente na Comissão de Educação e na Comissão Parlamentar de Inquérito as Lei Rouanet, além disso foi Presidente na Comissão Especial da PL 6583/13 que dispõe sobre o Estatuto da Família. Cavalcante também foi líder da bancada evangélica da Câmara dos Deputados.


1ª secretaria

Luciano Bivar (UNIÃO/PE)

Luciano Caldas Bivar tem 78 anos e é natural de Recife (PE). Bacharel em Direito com Pós-graduação em Educação Financeira, é empresário do setor de seguros e foi dirigente do Sport Clube de Recife. Iniciou sua carreira política em 1998, ao ser eleito pela primeira vez como deputado federal pelo Partido Social Liberal (PSL), partido no qual foi presidente ininterruptamente entre 1998 e 2018, para mais, assumiu novamente o cargo em 2017, como suplente e foi eleito em 2019. Durante seu mandato, integrou as Comissões de Constituição e Justiça e Cidadania, Finanças e Tributação, Viação e Transportes, e as Comissões Especiais de criação do Imposto Único Federal (IUF), da Agência Nacional de Aviação Civil e da Previdência Complementar. Além disso, Luciano Bivar já foi 2º vice-presidente da Câmara dos Deputados.


2ª secretaria

Maria do Rosário (PT/RS)

Maria do Rosário Nunes é pedagoga e doutoranda em Ciência Política pela UFRGS, tem 56 anos, é natural de Veranópolis (RS) e foi eleita para exercer seu sexto mandato como deputada federal. Proveniente do movimento estudantil e sindical, Rosário iniciou sua carreira política ao se eleger vereadora da capital gaúcha por dois mandatos e depois deputada estadual. Em 2002, elegeu-se deputada federal, sendo reeleita em 2006, 2010 e 2014. Em 2011, licenciou-se do cargo para a assumir a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, sendo a primeira mulher a ocupar a pasta. Na Câmara Federal, foi relatora da CPI Mista que investigou as redes de exploração sexual de crianças e adolescentes e presidiu a Comissão de Educação e a Comissão Especial da Lei Nacional de Adoção. Também foi coordenadora da Frente Parlamentar de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.


3ª secretaria

Júlio Cesar (PSD/PI)

Júlio César tem 74 anos e exerce seu sexto mandato na Casa. É advogado, professor, funcionário público e agropecuarista. Natural de Guadalupe (PI), foi prefeito do município por dois mandatos. Também foi presidente da Associação Piauiense de Municípios, Secretário estadual de Agricultura, diretor da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) e diretor-presidente da Águas e Esgotos do Piauí (Agepisa). Na Câmara, é líder atuante da bancada do Nordeste. Sua atuação também é focada nas áreas de agropecuária, finanças, ciência e tecnologia. Além disso, é presidente do diretório estadual do PSD no Piauí.


4ª secretaria

Lucio Mosquini (MDB/RO)

Lucio Antonio Mosquini é engenheiro eletricista, tem 53 anos e foi eleito para exercer seu terceiro mandato. Mosquini possui longa trajetória profissional, tendo exercido cargos ligados a atividade rural no estado de Rondônia, além de ter exercido a função de Diretor-geral do Departamento de Estradas, Rodagens e Transportes. Em 2014, o parlamentar recebeu convite do MBD para concorrer pela legenda elegendo-se deputado federal. Dentro do Congresso Nacional, o parlamentar se aproximou, principalmente, do senador Valdir Raupp e de Marinha Raupp, ambos de seu estado. Devido a sua amizade e boa articulação, foi considerado um dos membros do núcleo do MBD no norte do país. Durante sua atuação na Câmara, foi 1º Vice-Presidente da Comissão Especial da PEC 99/11, sobre associações religiosas, como Suplente da Comissão de Minas e Energia, de Viação e Transportes e a de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural.

Suplências são: André Ferreira (PL/PE), Gilberto Nascimento (PSC-SP), Beto Pereira (PSDB-MS) e Pompeo de Mattos (PDT-RS)

Saiba mais sobre o início da 57ª Legislatura.

Elaborado pela Equipe da Umbelino Lôbo em 01/02/2023.

compartilhar

Ir para o conteúdo